Petróleo dispara, euro afunda. Combustíveis sobem

A escalada dos preços do petróleo vai ditar um novo aumento dos preços dos combustíveis nos postos de abastecimento nacionais. A queda do euro vai agravar a subida da gasolina e do gasóleo.

Os preços dos combustíveis vão voltar a subir no arranque da próxima semana. É o resultado da escalada das cotações do petróleo nos mercados internacionais após o acordo para o corte da produção por parte da OPEP a que se juntaram outros países produtores fora do cartel. E o euro em mínimos acentuou o agravamento.

Tanto a gasolina como o gasóleo ficaram mais caros nos mercados internacionais numa semana em que os preços da matéria-prima tocaram máximos de ano e meio, acima dos 55 dólares por barril. O preço médio semanal de ambos os produtos subiu 1,75%, mas isto em dólares. Em euros, aumentaram ainda mais: 2,6%.

Esta variação, resultante dos mínimos de mais de uma década atingido pelo euro (baixou dos 1,05 dólares), vai levar a aumentos de um a 1,5 cêntimos no valor de venda tanto da gasolina como do gasóleo nos postos de abastecimento nacionais no arranque da próxima semana, de acordo com os cálculos do ECO com base em dados da Bloomberg.

Este aumento segue-se a várias semanas de subidas consecutivas dos preços dos combustíveis no mercado nacional. A gasolina está a ser comercializada a um valor médio de 1,42 euros, de acordo com dados da Direção Geral de Energia e Geologia. O gasóleo simples está a ser vendido a um valor de 1,18 euros. Podem subir para 1,435 e perto de 1,20 euros, respetivamente.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Petróleo dispara, euro afunda. Combustíveis sobem

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião