5 coisas que tem de saber antes de abrirem os mercados

Davos, Brexit, crédito e eleições no Parlamento Europeu. Vai ser um dia cheio para os investidores da zona euro. Por cá, continua a comissão de inquérito aos antigos gestores da Caixa.

O grande destaque de hoje vai para o arranque do encontro anual do Fórum Económico Mundial, que decorre até 20 de janeiro, em Davos, na Suíça. Por cá, os deputados continuam a tentar apurar o que aconteceu na gestão da Caixa Geral de Depósitos nos últimos anos, enquanto o Banco de Portugal divulga novos dados sobre o mercado do crédito.

Elite mundial reúne-se em Davos

Arranca hoje o encontro anual do Fórum Económico Mundial. Até dia 20, algumas das mais importantes personalidades mundiais vão estar reunidas em Davos, na Suíça, para discutir aquela que deverá ser a agenda global, regional e industrial ao longo deste ano. Entre as personalidades internacionais, vão estar também vários portugueses, incluindo o primeiro-ministro, António Costa, que participa, no dia 19, no painel “Shaping a national digital strategy“. Também Manuel Caldeira Cabral, ministro da Economia, vai marcar presença no encontro, para levar uma mensagem positiva sobre Portugal. O evento ficará ainda marcado pela presença de Xi Jinping, que será o primeiro líder chinês a falar num encontro do Fórum Económico Mundial.

CGD, episódio… quê?

A saga continua. Esta tarde, decorre no Parlamento mais uma sessão da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) à gestão que foi feita na Caixa Geral de Depósitos (CGD) nos últimos anos. Desta vez, será Vítor Martins, antigo administrador-geral do banco público, a ser ouvido pelos deputados, às 17h00. Nesta sessão, vai ainda ser apreciado o requerimento apresentado pelo PSD e pelo CDS-PP, que pedem a prorrogação do prazo da CPI.

May dá novas pistas sobre o Brexit

Os investidores estarão hoje atentos ao discurso de Theresa May, que deverá dar novas pistas sobre qual será a sua abordagem ao Brexit. A primeira-ministra britânica deverá optar por um “hard Brexit”, onde será dada prioridade ao controlo da imigração através da saída do mercado único, da união aduaneira europeia e do Tribunal de Justiça Europeu. Esta é uma abordagem que, segundo a maioria dos analistas, deverá penalizar a economia britânica. Na antecipação do discurso, que ainda não tem hora confirmada, a libra já afundou para um mínimo de 32 anos nos mercados asiáticos.

O crédito, em Portugal e na Europa

Hoje também é dia de perceber como está o crédito em Portugal e no resto da zona euro. O Banco de Portugal divulga os resultados do inquérito aos bancos sobre o mercado de crédito, enquanto o Banco Central Europeu publica os resultados do inquérito sobre os empréstimos bancários na zona euro, além do relatório sobre a situação financeira consolidada do Eurosistema. Isto numa altura em que a concessão de crédito em Portugal tem estado em níveis recorde.

Parlamento Europeu elege novo presidente

Os eurodeputados escolhem hoje o sucessor de Martin Schulz para liderar o Parlamento Europeu. Ao fim de dois mandatos, o socialista alemão decidiu dedicar-se às questões internas do seu país e deixar o lugar vago para um dos sete candidatos: Eleonora Forenza, Gianni Pittella, Antonio Tajani (os três italianos), Helga Stevens, Guy Verhofstadt (ambos belgas), o romeno Laurențiu Rebega e a britânica Jean Lambert são os nomes na corrida. Estão previstas até quatro rondas de votação, sendo que, se em alguma das três primeiras rondas algum dos candidatos conseguir maioria absoluta, fica decidido o novo ou nova presidente.

Apoie o jornalismo económico independente. Contribua

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso. O acesso às notícias do ECO é (ainda) livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo rigoroso e credível, mas não só. É continuar a informar apesar do confinamento, é continuar a escrutinar as decisões políticas quando tudo parece descontrolado.

Introduza um valor

Valor mínimo 5€. Após confirmação será gerada uma referência Multibanco.

Comentários ({{ total }})

5 coisas que tem de saber antes de abrirem os mercados

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião