Juncker sobre May: “Não estamos numa situação hostil”

  • Juliana Nogueira Santos
  • 18 Janeiro 2017

Numa conferência de imprensa conjunta o presidente da Comissão Europeia, o recém eleito Presidente do Parlamento Europeu e o Primeiro-Ministro maltês falaram do Brexit e da crise dos refugiados.

Jean-Claude Juncker começou por afirmar que não ia falar das declarações de Theresa May e que se veriam os detalhes da negociação quando esta começasse. Contudo, os jornalistas pressionaram e o luxemburguês cedeu: “Não estamos numa situação hostil, mas vai ser uma negociação muito muito muito difícil.”

Nesta conferência de imprensa, convocada para apresentar as prioridades do programa de atividades da Presidência maltesa do Conselho Europeu, resumiram-se os pontos tratados no plenário que se realizou antes desta, com maior destaque dado para a migração e a necessidade de adotar uma solução antes de começar o próximo fluxo.

“Estamos a pedir mais problemas se atrasarmos uma solução”, afirmou Joseph Muscat, primeiro-ministro de Malta. O seu país é um dos mais afetados pela crise dos refugiados, mas chamou também à atenção para o caso de Itália.

Esta foi também a primeira conferência onde o Presidente da Comissão Europeia e o recém-eleito Presidente do Parlamento Europeu Antonio Tajani estiveram juntos, tendo o primeiro afirmar que vai ser “um prazer trabalhar com um amigo”.

Jean Claude Juncker aproveitou também para expressar a sua solidariedade com a Itália, afirmando que a Europa vai providenciar todos os instrumentos necessários à recuperação do país, porque “um terramoto na Itália é um terramoto na Europa.”

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Juncker sobre May: “Não estamos numa situação hostil”

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião