Médicos decretam greve para 10 e 11 de maio

  • Lusa
  • 11 Abril 2017

O protesto foi marcado esta terça-feira numa reunião do Fórum Médico, pela reposição integral do pagamento de horas extraordinárias a todos os médicos.

Os sindicatos médicos decidiram hoje avançar para uma greve nacional nos dias 10 e 11 de maio.

O anúncio foi feito em Lisboa no final de um encontro do Fórum Médico, estrutura que reúne as associações sindicais dos médicos e também outras associações médicas.

Os sindicatos estão contra a falta de concretização de medidas por parte do Governo e têm reclamado a reposição integral do pagamento das horas extraordinárias para todos os médicos.

Na segunda-feira, divulgaram uma carta ao ministro da Saúde na qual mostravam o desagradado pela proposta de calendário e temas de negociação entre Governo e estruturas sindicais.

“As promessas ministeriais cominuam a não ter tradução em atos concretos e em medidas de solução dos problemas existentes. As reuniões ditas negociais não passam de simulacros e de passar o tempo”, afirmam os dirigentes do Sindicato Independente dos Médicos e da Federação Nacional dos Médicos, numa nota divulgada aos jornalistas no final do encontro.

Comentários ({{ total }})

Médicos decretam greve para 10 e 11 de maio

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião