Marcelo recebe partidos na segunda após Governo apresentar Programa de Estabilidade

O Presidente da República vai receber partidos com representação parlamentar na próxima segunda-feira, em audiências que surgem depois de o Governo ter apresentado o Programa de Estabilidade.

O Presidente da República vai receber na próxima segunda-feira o PSD, PS e Bloco de Esquerda, audiências que depois se alargarão aos restantes partidos com representação parlamentar, “no quadro dos contactos que Marcelo Rebelo de Sousa tem promovido com os responsáveis políticos regularmente”, explicou fonte oficial de Belém ao ECO.

Marcelo vai receber os dirigentes dos partidos com assento parlamentar depois de o Governo ter apresentado no Parlamento dois importantes documentos quanto ao futuro do país: o Programa de Estabilidade para o período de 2017 a 2021 e o Plano Nacional de Reformas.

O primeiro partido a ser recebido no Palácio de Belém será o PSD, cujo grupo parlamentar é liderado por Luís Montenegro. O encontro está marcado para as 14h00. Uma hora depois, o Presidente recebe a delegação do PS, que tem como presidente do grupo parlamentar Carlos César. Pelas 16h00, será a vez da audiência ao Bloco de Esquerda.

Na terça-feira, serão recebidos o PCP (14h00), Os Verdes (15h00), o PAN (16h00) e o CDS (17h00).

Ainda de acordo com a agenda para segunda-feira, Marcelo tem agendada para as 19h00 uma reunião de trabalho alargada sobre a estratégia para a integração das pessoas sem-abrigo, também no Palácio de Belém.

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Marcelo recebe partidos na segunda após Governo apresentar Programa de Estabilidade

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião