Acordo garante financiamento dos EUA. Muro de Trump de fora

  • ECO
  • 1 Maio 2017

Em causa estão 1,1 biliões de dólares, que não poderão ser usados em muitas das medidas preconizadas por Donald Trump: é o caso do muro entre o México e os EUA.

Os líderes do Congresso norte-americano já chegaram a um acordo, garantindo assim o financiamento do Estado federal até final de setembro. Em causa está um pacote de 1,1 biliões de dólares que, de acordo com a Bloomberg, vai ao encontro de muitas prioridades dos Democratas mas rejeita a maior parte dos objetivos do presidente Trump.

É o caso do muro a separar os Estados Unidos do México, cujo financiamento foi rejeitado. Trump contará com 1,5 mil milhões de dólares para a segurança de fronteiras, mas não poderá usar este dinheiro para a construção do muro, nem para o reforço de agentes de imigração.

Por outro lado, estão previstas verbas para planeamento familiar, apesar de os Republicanos já terem vindo defender o fim do financiamento de entidades que realizam abortos ou dão informação sobre a interrupção voluntária da gravidez.

O presidente Donald Trump pode agora apontar para um reforço de 15 mil milhões de dólares para o Pentágono, ainda assim abaixo dos 30 mil milhões pedidos. Daquele valor, 2,5 mil milhões dependem de um novo plano para combater o auto-proclamado Estado Islâmico, adianta a Bloomberg.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Acordo garante financiamento dos EUA. Muro de Trump de fora

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião