G20: Merkel antecipa negociações difíceis sobre comércio

  • ECO
  • 7 Julho 2017

"Estas discussões são muito difíceis", avisou a chanceler alemã no primeiro dia da cimeira do G20. Trump e Putin estão sob os holofotes.

A chanceler alemã entende que o acordo do G20 em torno do comércio será difícil. No primeiro dos dois dias de cimeira do G20, Angela Merkel antecipou que ainda há muito trabalho a fazer antes da declaração sobre o comércio.

“Estas discussões são muito difíceis, não quero estar com rodeios”, afirmou a chanceler, citada pela Bloomberg.

Merkel também garantiu entretanto que a maioria dos países que integram o G20 apoia o Acordo de Paris sobre as alterações climáticas. Em declarações citadas pela Lusa, Merkel disse: “Será muito interessante ver como formulamos o comunicado de amanhã [sábado] e mostrar claramente, é claro, que existem opiniões diferentes nesta área porque os Estados Unidos da América lamentavelmente querem sair do Acordo de Paris”.

Hamburgo está no centro de todas as atenções, uma vez que recebe as 20 maiores economias do mundo quase 20 anos depois da primeira reunião. Os olhos estão postos no encontro entre Donald Trump e Vladimir Putin que já protagonizaram o vídeo que percorre as redes sociais:

Antes do encontro, o presidente dos Estados Unidos afirmou que tem vindo a discutir com Putin vários temas e salientou depois: “é uma honra estar consigo”. Já o presidente russo dirigiu-se a Trump como “sua Excelência”, notando que ambos já tiveram diversas conversas por via telefónica. “Estou encantado por poder conhecê-lo pessoalmente, Senhor Presidente e, como disse, espero que o nosso encontro traga resultados positivos”, frisou.

Durante o encontro entre Trump e Putin — que se estendeu por mais de duas horas — veio a público a notícia de que os Estados Unidos e a Rússia chegaram a acordo para o cessar-fogo no sudoeste da Síria a partir de 9 de julho. A informação terá sido avançada por funcionários que pediram anonimato, avança o The Guardian, que cita a Associated Press.

No final do encontro, Putin só teve tempo para um comentário rápido uma vez que se dirigiu de seguida para uma reunião com o primeiro-ministro japonês. Elencou então os tópicos abordados com o Presidente Trump: Ucrânia, Síria, terrorismo e cibersegurança, avança a Reuters.

Notícia atualizada às 18h38

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

G20: Merkel antecipa negociações difíceis sobre comércio

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião