Aumento do capital vai tornar Montepio mais sólido? “Creio que foi esse o objetivo”, diz Vieira da Silva

  • Cristina Oliveira da Silva
  • 24 Julho 2017

Vieira da Silva acredita que foi com o objetivo de tornar o Montepio mais sólido que os acionistas decidiram um aumento de capital.

O ministro do Trabalho acredita que o aumento de capital do Montepio teve o objetivo de tornar o banco mais sólido. Já quanto ao primeiro “entendimento” entre a Santa Casa da Misericórdia de Lisboa e a Associação Mutualista, Vieira da Silva avisa que ainda há muito trabalho pela frente.

O ministro do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social falava à margem da Universidade de Verão Montepio-UAL, sobre Economia Social e Mutualismo. Os jornalistas quiseram saber se o aumento de capital do Montepio vai tornar o banco mais sólido e Vieira da Silva, embora notando que não lhe compete a si comentar, adiantou: “creio que sim, creio que foi esse o objetivo que os acionistas resolveram prosseguir”.

Já quanto à entrada de um eventual novo acionista e à conclusão de todo o processo, Vieira da Silva não avança novidades, já que estas decisões “são do foro das instituições que estão a discutir” e “não do Governo”, embora o Executivo acompanhe o assunto “com atenção”, sublinhou.

No mesmo sentido, o ministro diz que a Santa Casa não tem que dar respostas ao Governo. “A resposta que tenho é a que é conhecida de todos, a existência de um primeiro entendimento. Agora, há muito trabalho pela frente, ainda está a ser feito“, avisa o governante.

Vieira da Silva realçou que o Montepio “está a sofrer um processo de transformação”, mas lembra que “é uma velha instituição do setor da economia social” e “uma das mais representativas”. “Sofreu também como outras um processo difícil durante os anos mais duros da crise económica e financeira mas eu tenho a expectativa positiva que possa vir a desempenhar cada vez mais um papel muito relevante neste setor da economia social”, respondeu o ministro quando os jornalistas perguntaram se estava tranquilo com a situação.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Aumento do capital vai tornar Montepio mais sólido? “Creio que foi esse o objetivo”, diz Vieira da Silva

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião