Grupo Pestana transforma Hospital da Misericórdia de Óbidos em pousada

  • Lusa
  • 2 Agosto 2017

Em causa está um investimento de dois milhões de euros que criará 15 novos postos de trabalho.

O Hospital da Misericórdia de Óbidos e a Estalagem do Lidador vão ser transformados pelo Grupo Pestana numa segunda Pousada de Portugal, num investimento de dois milhões de euros que criará 15 novos postos de trabalho.

O Plano de Expansão do Pestana Hotel Group, responsável pela exploração da Pousada do Castelo, em Óbidos, foi apresentado esta quarta-feira na vila onde o CEO, José Theotónio, anunciou a abertura de “uma nova pousada composta por dois novos núcleos”: o antigo Hospital da Misericórdia e a Estalagem do Lidador.

O investimento na recuperação dos dois edifícios vai ser de “dois milhões de euros” que permitirão “triplicar a capacidade de alojamento e criar 15 novos postos de trabalho”, afirmou Luis Castanheira Lopes, presidente do Grupo Pestana Pousadas.

As obras de reabilitação do antigo hospital da Misericórdia, um edifício classificado cedido ao grupo por 2000 euros mensais, vão arrancar no próximo dia 8 e criar 17 novos quartos, que Luis Castanheira Lopes estima que abram ao público em abril de 2018.

Quanto à Estalagem do Lidador, de acordo com o mesmo responsável, “hoje mesmo a ENATUR abriu o concurso público para as obras da sua adaptação a pousada”, o que permitirá criar mais 11 unidades de alojamento que deverão estar concluídas no final do próximo ano.

A Estalagem do Lidador foi o primeiro estabelecimento criado pelo Estado para atividade turística, no final dos anos 30, mas que nunca chegou a funcionar como estalagem.

“Uma espécie de proto-pousada”, segundo Castanheira Lopes, que o Grupo Pestana recupera agora num ciclo de investimento que, quando estiver terminado, dotará as pousadas de Óbidos de um total de 47 alojamentos.

Isto porque a par com os dois novos núcleos o grupo — que em 2014 adquiriu uma casa contígua à muralha da alcáçova e ampliou a Pousada do Castelo, de nove para 17 quartos — tem também em curso obras para a realização de mais dois alojamentos, estimando totalizar os 19 quartos no final deste ano.

Instalada desde 1951 no castelo com mais de 800 anos, a Pousada de Óbidos é a mais antiga da rede de Pousadas de Portugal e “atualmente a que tem maior taxa de ocupação, rondando em média os 80%”, disse Luis Castanheira Lopes aos jornalistas.

O Grupo Pestana que detém, desde 2003, a exploração das Pousadas de Portugal, tem ainda em curso o licenciamento de um novo projeto, em Vila Real de Santos António, vai transformar um conjunto de prédios do centro histórico numa nova pousada.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Grupo Pestana transforma Hospital da Misericórdia de Óbidos em pousada

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião