Função Pública: Carreiras custam dobro do previsto

  • ECO
  • 9 Setembro 2017

A verba prevista pelo Governo para o descongelamento das carreiras só chega para metade dos funcionários públicos. Os cálculos apontam para um impacto orçamental de 419 milhões. Estado só tem 248.

A verba prevista pelo Governo para o descongelamento das carreiras só chega para metade dos funcionários públicos. Os cálculos orçamentais apontam para um impacto orçamental de 419 milhões de euros por ano, praticamente o dobro dos 248 milhões de euros de que o Governo dispõem, verba inscrita no Programa de Estabilidade e Crescimento.

Os números são avançados na edição deste sábado do jornal Expresso e foram ontem apresentados aos sindicatos da Administração Pública. A estimativa é ainda feita por baixo uma vez que não tem em conta uma fatia de mais de 52 mil funcionários (dos quais não existe informação pormenorizada), nem a totalidade dos trabalhadores das autarquias locais.

O documento intitulado “Relatório síntese do impacto do descongelamento das carreiras a partir de 2018“, foi entregue por Fátima Fonseca aos sindicatos e serve de base para o arranque das negociações.

O Expresso avança que os trabalhadores protestaram pela ausência de uma proposta concreta para o descongelamento das carreiras no Estado e contestaram a ideia de que as promoções venham a ser feita de forma gradual. Também motivo de protestos está o facto de não haver lugar à abertura de discussão sobre aumentos salariais.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Função Pública: Carreiras custam dobro do previsto

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião