CDS: Governo prevê que exportações desacelerem PIB

As exportações têm sido um dos principais motores da economia portuguesa nos últimos anos, mas o seu contributo para o PIB será nulo no próximo ano.

O Governo prevê no cenário macroeconómico subjacente ao Orçamento do Estado para 2018 que a procura externa líquida tenha um efeito neutro no PIB do próximo ano. Por isso, o Executivo está à espera que a economia desacelere. Esta foi uma das linhas gerais transmitidas por Mário Centeno na reunião com o CDS que se realizou esta quarta-feira de tarde.

Após a reunião, a deputada centrista Cecília Meireles confirmou o que tinha sido transmitido pelo PSD ao início da tarde: o PIB vai crescer menos em 2018 face ao que crescerá este ano. Foi Maria Luís Albuquerque, ex-ministra das Finanças e atual deputada do PSD, que revelou isso mesmo: “O Governo disse que está a prever uma desaceleração da economia para o próximo ano”.

Acresce que o Executivo transmitiu ao CDS que essa diminuição decorre de dinâmica das exportações portuguesas. A procura externa líquida — que este ano já tem contribuído pouco para o crescimento económico — deverá ter um contributo nulo no PIB do próximo ano. “Sinalizamos hoje a nossa preocupação com que a economia tenha um crescimento sustentável e isso passa por um maior investimento”, afirmou a deputada centrista aos jornalistas.

Apesar de ter existido pouca informação — não ficaram a saber os números concretos do cenário –, Cecília Meireles referiu que “houve transparência”. De resto, segundo a centrista, o Governo manterá as suas previsões do Programa de Estabilidade de abril para a dívida pública.

O CDS afirmou a vontade de, para além das propostas que já apresentou, vir a dar mais sugestões depois de a proposta para o Orçamento do Estado para 2018 ser apresentada.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

CDS: Governo prevê que exportações desacelerem PIB

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião