Iberia reforça ligação Porto-Madrid e passa a 50 voos semanais

A partir de março, a Iberia passa a operar com 50 voos semanais entre Porto e Madrid, com aviões A319, que acomodam até 141 passageiros. A operação na Catalunha não vai ser alterada.

A companhia aérea Iberia vai reforçar, a partir de março, as ligações entre Porto e Madrid. No total serão mais 2 voos semanais, passando de 48 para 50 voos semanais.

Outra das novidades prende-se com a mudança de aeronaves. Os voos entre Porto e Madrid passam a ser operados diretamente pela Iberia, com aviões A319, com capacidade até 141 passageiros, mais 41 do que os lugares que são oferecidos atualmente. Até agora, as ligações eram asseguradas pela filial regional da Iberia, a Air Nostrum. Feitas as contas, passam a ser disponibilizados 332 mil lugares entre o Porto e a capital espanhola, mais 72 mil lugares do que os que foram disponibilizados em 2016.

Numa apresentação a jornalistas feita esta quarta-feira, no Porto, a Iberia justifica o reforço da operação com o crescimento de 10% registado entre o Porto e Madrid. No total, o crescimento da companhia espanhola em Portugal foi de 16%. A empresa tem, a partir de Portugal, um total de 102 voos semanais.

Para Celia Muñoz, diretora comercial dos mercados da Ásia, África, Europa e Médio Oriente, a expectativa é que o mercado do Porto continue a crescer. “Pelo menos, os números dão conta disso. Com esta alteração nos nossos voos, pretendemos adaptar a operação face à procura pelas viagens turísticas e empresariais na rota Porto-Madrid“, diz a responsável.

"Com esta alteração nos nossos voos, pretendemos adaptar a operação face à procura pelas viagens turísticas e empresariais na rota Porto-Madrid”

Celia Muñoz

Diretora da Iberia para os mercados da América, Europa e Médio Oriente

Questionada pelo ECO sobre quais as receitas afetas a Portugal, Célia Muñoz referiu apenas que “esses números não são disponibilizados pela companhia”.

A Iberia começou a voar para Portugal em 1939, mas só em 1982 começaria a operar para o Porto. A Iberia refere que “os mercados com maior tráfego aéreo são a capital espanhola, Nova Iorque, São Paulo, Valência, Cidade do México, Rio de Janeiro, Bilbao e Bolonha”.

Iberia mantém operação na Catalunha

A Iberia não tem prevista qualquer alteração no seu plano de operações para a Catalunha. Célia Muñoz referiu ao ECO, à margem da conferência de imprensa, que a companhia vai “continuar a trabalhar como até aqui”. “Não temos qualquer alteração prevista, vamos manter a nossa proposta”, acrescentou.

Célia Muñoz referiu ainda que a Iberia reforçou recentemente as ligações entre Madrid e Barcelona e que esse reforço é para manter.