West Cliffs: O melhor novo campo de golfe do mundo é português

O Campo de Golfe West Cliffs foi eleito o Melhor Novo Campo de Golfe do Mundo pelos World Golf Awards. Desenhado por Cynthia Dye, faz parte do Praia D’El Rey Marriott Golf & Beach Resort.

Os portugueses não se cansam de trazer prémios para casa e, desta vez, foi no campo do golfe, literalmente. O mais recente projeto do Praia D’El Rey Marriott Golf & Beach Resort, em Óbidos, angariou o prémio de Melhor Novo Campo de Golfe do Mundo pelos World Golf Awards 2017.

O Campo de Golfe West Cliffs foi inaugurado a 11 de junho deste ano, e não precisou de muito tempo até ser condecorado internacionalmente. Esta semana, na cerimónia dos World Golf Awards 2017, o campo de golfe do Praia D’El Rey Marriott Golf & Beach Resort conseguiu destacar-se internacionalmente e foi eleito o Melhor Novo Campo de Golfe do Mundo. Para além disso, foi também apontado como o possível melhor campo de golfe em Portugal.

Desenhado pela arquiteta norte-americana Cynthia Dye, sobrinha do conceituado arquiteto de campos de golfe Pete Dye, o West Cliffs resultou no primeiro projeto de Cynthia em Portugal e o único na Europa. “O campo tornou-se tudo aquilo para o que havia sido projetado, quando a Cynthia o desenhou, e mais. E isso é realmente muito especial. Recebemos comentários incríveis dos golfistas de todo o mundo, desde a abertura, e acreditamos que o campo terá comentários ainda melhores nos próximos anos”, disse Francisco Cadete, diretor de golfe do West Cliffs.

Durante a cerimónia de entrega dos prémios, que decorreu no La Manga Club, em Múrcia, o West Cliffs conseguiu um número recorde de votos de profissionais do golfe de todo o mundo, e dos consumidores de golfe de mais de 100 países. Localizado apenas a uma hora para norte de Lisboa, na Costa de Prata portuguesa, o Campo de Golfe West Cliffs está rodeado por 200 hectares de paisagem natural, dunas de areia e vegetação costeira.

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

West Cliffs: O melhor novo campo de golfe do mundo é português

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião