Haitong vende filiais de Londres e Nova Iorque. Mas vão continuar dentro do grupo chinês

Escritórios em Londres e Nova Iorque vão ser alienados ao Haitong International Limited, com sede em Hong Kong. Ficarão de fora do perímetro de consolidação do ex-BESI.

O Haitong Bank vai vender as suas filiais em Londres e Nova Iorque. Mas os escritórios internacionais do ex-BESI vão ficar dentro do grupo chinês, sendo transferidos para o Haitong International Limited, com sede em Hong Kong.

“Uma vez concluídas estas transações, as quais estão sujeitas à obtenção das competentes autorizações regulatórias, as entidades em causa deixarão de ser filiais do Haitong Bank e serão excluídas do respetivo perímetro de consolidação”, lê-se no comunicado divulgado esta sexta-feira na Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

Em concreto, o banco de investimento vai alienar a totalidade do capital social do Haitong Securities USA LLC, da Haitong (UK) Limited e da Haitong Securities (UK) Limited, cujas operações vão deixar de contar para os resultados do Haitong em Portugal e passam a ser contabilizadas pela Haitong International Limited, entidade integralmente detida pela sociedade Haitong International Securities Group.

Esta operação ocorre numa altura em que está em curso um plano de reestruturação do Haitong Bank, que implicou a descontinuação de algumas operações e ainda a saída de trabalhadores do banco. Isto depois de os resultados se terem agravado de forma séria na primeira metade do ano, refletindo a dificuldade do antigo BESI em encontrar um modelo de negócio para gerar receitas.

Entre janeiro e junho, o Haitong Bank registou prejuízos de quase 80 milhões de euros, depois de o produto bancário ter afundando 45% e os custos operacionais terem aumentado em função do plano de reestruturação.

Aquando do regaste do Banco Espírito Santo, em agosto de 2014, o BESI foi integrado no Novo Banco, tendo sido depois vendido em setembro de 2015 ao grupo chinês Haitong por 379 milhões de euros e denominado Haitong Bank.

(Notícia atualizada às 10h20)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Haitong vende filiais de Londres e Nova Iorque. Mas vão continuar dentro do grupo chinês

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião