Altice irá analisar “oportunamente” proposta do sindicato para revisão salarial

  • Lusa
  • 9 Janeiro 2018

Os sindicatos propuseram um aumento de 50 euros nos salários, bem como progressões na carreira para 10% dos trabalhadores. A empresa garante que vai discutir estas medidas "oportunamente".

A Altice Portugal, dona da Meo, informou esta terça-feira que vai analisar “oportunamente” a proposta de revisão salarial feita pela Frente Sindical, prevendo aumentos de 50 euros, com os sindicatos a ponderarem pedir intervenção do Governo.

Numa resposta escrita enviada à agência Lusa, a Altice Portugal “confirma a receção das propostas de revisão salarial por parte dos sindicatos”, indicando que se encontra “a analisar as mesmas” e que, “oportunamente, e dentro do quadro de normal funcionamento deste tipo de iniciativas, as mesmas serão objeto de discussão no fórum apropriado”.

Também hoje, as estruturas representativas da Altice/Meo denunciaram em comunicado que, “decorrido o prazo legal previsto no Código de Trabalho, o comité executivo da PT ainda não deu resposta à proposta apresentada pelos sindicatos que constituem a Frente Sindical”, entregue no final de novembro.

“Nestas condições, e se até ao final da semana de 15 a 19 de janeiro não nos for dada uma resposta, os sindicatos irão recorrer ao Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social para se abrir, de imediato, a fase de conciliação com intervenção desta entidade governamental”, indicam.

A proposta de revisão salarial para as empresas do grupo abrangidas pelo acordo coletivo de trabalho visa aumentos de 4%, “com um referencial mínimo de 50 euros”. Ao mesmo tempo, o documento projeta progressões na carreira para 10% dos trabalhadores, desde que “colocados nos níveis de desempenho onde a avaliação de desempenho se aplica para este efeito”.

Na nota, os sindicatos adiantam que “não gostariam que esta matéria se tornasse mais um conflito a somar entre todos os outros, que têm derivado de uma gestão pouco preocupada com a estabilidade e direitos dos trabalhadores”.

Esta Frente Sindical é composta pelos sindicatos Nacional dos Trabalhadores das Telecomunicações e Audiovisual (SINTAVV), dos Trabalhadores do Grupo Portugal Telecom (STPT), Democrático dos Trabalhadores das Comunicações e dos Media (Sindetelco), Nacional dos Trabalhadores de Correios e Telecomunicações (SNTCT), dos Quadros das Comunicações (Sinquadros), dos Trabalhadores das Telecomunicações e Comunicação Audiovisual (STT) e dos Trabalhadores e Técnicos de Serviços (Sitese).

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Altice irá analisar “oportunamente” proposta do sindicato para revisão salarial

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião