Carrazeda de Ansiães transforma antigo mercado em incubadora para startups

  • Lusa
  • 15 Janeiro 2018

Nove projetos estão, desde esta segunda-feira, incubados no antigo mercado municipal do município de Bragança.

O município trasmontano de Carrazeda de Ansiães ajudou a criar 18 postos de trabalho com a transformação de um antigo mercado municipal numa incubadora de empresas que acolhe a partir desta segunda-feira nove novos projetos.

A assinatura dos contratos com os novos empreendedores decorreu hoje e, segundo indicou à Lusa o presidente da Câmara, João Gonçalves, são pessoas com menos de 35 anos, todas deste concelho do distrito de Bragança, a quem está a ser dada a oportunidade de experimentarem uma ideia de negócio “sem muito risco”.

Além do espaço e de todo o apoio logístico como luz, água, Internet, a Câmara de Carrazeda de Ansiães assegura aos promotores dos projetos um apoio financeiro equivalente a um salário mínimo durante dois anos pelo primeiro posto de trabalho e metade do salário mínimo pelo segundo posto de trabalho.

O apoio dura 24 meses e o presidente da Câmara espera que as experiências sejam de sucesso e que os jovens possam depois consolidar o seu negócio já fora da incubadora. Para o efeito e para receber novos investimentos, o município está também a realizar um estudo para aumentar a capacidade da zona industrial. Os ocupantes do novo espaço foram selecionados por concurso público e ocuparam nove das vagas disponíveis na incubadora de empresas.

Segundo o município, “dadas as características específicas do tecido empresarial do concelho, verifica-se a necessidade da criação de apoios municipais ao empreendedorismo e à definição de estratégias empresariais que, em simultâneo, tenham garantias de sustentabilidade e promovam o emprego local”.

A Incubadora de Empresas constituirá, segundo ainda a autarquia, “um instrumento ao serviço dos empreendedores e das empresas locais, propiciando-lhes condições físicas, técnicas e financeiras com vista à sustentabilidade e viabilidade dos projetos apresentados”.

O projeto foi apresentado em agosto de 2017, pelo antecessor do autarca eleito em outubro pelo PSD, o também social-democrata José Luís Correia, que aproveitou para este fim um antigo mercado municipal, que nunca funcionou, na sede de concelho. Os produtos locais são a aposta do município com destaque para os mais emblemáticos como a maçã, o vinho e o azeite.

Este processo da incubadora de empresas está a ser acompanhado pelo Instituto Politécnico de Bragança, através de uma parceria com a Câmara Municipal.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Carrazeda de Ansiães transforma antigo mercado em incubadora para startups

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião