Stephen Hawking, o físico que quis explicar o universo, morreu aos 76 anos

  • Lusa
  • 14 Março 2018

O físico, que notabilizou na área da relatividade e dos buracos negros, faleceu em casa. Tinha 76 anos.

O físico britânico Stephen Hawking, cujo trabalho na área da relatividade e dos buracos negros se destacou, morreu aos 76 anos de idade, na sua casa em Cambridge, anunciou a sua família.

“Estamos profundamente tristes com a morte, hoje, do nosso adorado pai. Foi um grande cientista e um homem extraordinário, cujo trabalho e legado permanecerão por muitos anos”, escreveram os filhos do cientista, Lucy, Robert e Tim, num texto divulgado pelas agências noticiosas.

No texto, os filhos de Stephen Hawking acrescentam que a sua coragem e persistência, assim como a sua inteligência e humor inspiraram pessoas por todo o mundo. “Ele disse um dia que ‘este não seria um grande universo se não fosse a casa das pessoas que amamos’”, acrescentam os filhos.

Hawking deixou a sua marca com o seu trabalho na astrofísica, nomeadamente ao revolucionar os estudos sobre buracos negros e relatividade, sendo o autor do bestseller “Uma Breve História do Tempo: do Big Bang aos Buracos Negros”. O britânico tornou-se conhecido do grande público depois de ter participado em séries televisivas, como foi o caso da Teoria do Big Bang, mas também no cinema. A sua história de vida chegou ao grande ecrã através do filme “A Teoria de Tudo”, que conquistou um Óscar de Melhor Ator.

Nem mesmo a sua doença o impediu de continuar a trabalhar e a comunicar. O físico foi diagnosticado aos 21 anos com Esclerose Lateral Amiotrófica (ELA), quando lhe disseram que teria menos de três anos de vida. Mas Hawking contrariou a sua condição durante várias décadas. Apesar de ter perdido a mobilidade e a fala, a sua cadeira de rodas e sintetizador de voz permitiram chegar a tudo e todos, participando sempre na comunidade científica.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Stephen Hawking, o físico que quis explicar o universo, morreu aos 76 anos

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião