Sporting: “Próximo jogo é um jogo de risco”, diz secretária de Estado

Secretária de Estado da Administração Interna falou esta tarde aos jornalistas sobre violência na Academia do Sporting.

O próximo jogo do Sporting é um “jogo de risco“. A afirmação é da secretária de Estado da Administração Interna, Isabel Oneto, que falou ao fim desta tarde aos jornalistas sobre os “atos criminosos” que ocorreram esta terça-feira na Academia do Sporting, em Alcochete.

“Duas palavras: a primeira, repúdio veemente para com atos de violência, criminosos que ocorreram esta tarde. A segunda, solidariedade para jogadores, técnicos, para quem foi agredido”, reiterou João Paulo Rebelo, Secretário de Estado da Juventude e do Desporto, na mesma conferência.

“Temos orgulho no futebol, somos campeões europeus e queremos criar todas as condições para que, no domingo, se viva a festa do futebol, do desporto, um convívio de família e dos verdadeiros adeptos do desporto. Esta é uma missão do Governo que deve ser assumida por todos e todas sem exceção. Tem de haver a expressão de que futebol é igual a orgulho nacional”, acrescentou o responsável.

Isabel Oneto e João Paulo Rebelo responderam às perguntas dos jornalistas e falaram de “criminosos (…) que merecem resposta corajosa a atos que são repudiados por todos”.

A Academia do Sporting, em Alcochete, foi esta tarde palco de violência da parte de alguns adeptos do Sporting, que agrediram jogadores e equipa técnica. De acordo com a secretária de Estado da Administração interna, 21 pessoas terão sido detidas depois dos incidentes.

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Sporting: “Próximo jogo é um jogo de risco”, diz secretária de Estado

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião