Restaurantes de Ramsay dão prejuízo de 3,8 milhões de libras

  • Juliana Nogueira Santos
  • 16 Maio 2018

O chef britânico terá o inferno nas suas contas. O seu grupo Kavalake ainda só registou lucros uma vez desde que foi criado.

Gordon Ramsay é chef e apresentador do programa de televisão Hell’s Kitchen.Patrick Wymore/FOX

Gordon Ramsay viu o inferno alastrar-se da cozinha às contas dos seus restaurantes. O Kavalake, grupo de restaurante geridos pelo famoso chef britânico, fechou o ano fiscal de 2017 com prejuízos de 3,8 milhões de libras.

Como escreve o The Guardian, a empresa de Ramsay só fechou um ano com lucros desde que foi criada, em 2012. No ano que passou, os prejuízos vieram acompanhados de uma redução das receitas em 1%, para os 51,4 milhões de libras.

O chef britânico fechou, no ano passado, um dos 15 restaurantes em Londres, localizado no Aeroporto de Heathrow. Está ainda previsto o encerramento de outro restaurante na mesma cidade, mas o investimento em cinco restaurantes internacionais.

Esta notícia foi corrigida às 16h00: onde se lia 3,8 mil milhões deve ler-se 3,8 milhões de libras.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Restaurantes de Ramsay dão prejuízo de 3,8 milhões de libras

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião