Direto “O branqueamento de capitais está banalizado”. Advogados com número de comunicações irrisório

Já arrancou o quarto painel da Advocatus Summit com o tema "Branqueamento de capitais: onde está o limite?".

Já arrancou o quarto painel da Advocatus Summit subordinado ao tema “Branqueamento de capitais: onde está o limite?” que conta com a presença de Filipa Marques Júnior, sócia da MLGTS, João Maricoto Monteiro, sócio da SRS, João Raposo, diretor do Departamento de Ação Sancionatória do Banco de Portugal e Mariana Raimundo, diretora da Unidade de Informação Financeira da Polícia Judiciária.

A Adocatus Summit pretende ser o meeting point entre a advocacia de negócios e o setor empresarial. O encontro conta com o patrocínio oficial de sete escritórios de advogados: a CMS Rui Pena & Arnaut, Garrigues, MLGTS, PLMJ, Serra Lopes, Cortes Martins & Associados, SRS Advogados e VdA.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

“O branqueamento de capitais está banalizado”. Advogados com número de comunicações irrisório

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião