Navigator e BCP empurram Lisboa para as perdas

O PSI-20 abriu a perder pontos, com a maioria das cotadas nacionais em terreno negativo. Destaque para as quedas da Navigator e do BCP

A bolsa nacional arranca a última sessão da semana com perdas, mantendo a tendência do fecho anterior. Um dia depois de os investidores se mostrarem confiantes com as notícias anunciadas pelo Banco Central Europeu (BCE), o PSI-20 continua em queda, mesmo com um sentimento positivo a pairar sobre os restantes mercados europeus. Nesta abertura do principal índice bolsista nacional, altamente volátil, a maior queda cabe à Navigator, que recua mais de 5% no dia em que desconta o dividendo de 27,894 cêntimos.

O PSI-20 abriu a cair 0,68% para 5.639,08 pontos, contrariando a tendência vivida nas restantes praças europeias. O Stoxx 600 soma 0,07% para 393,33 pontos, assim como o francês CAC-40, que sobe 0,41% para 5.521,42 pontos e o italiano FTSE, que ganha 1,22% para 22.486,32 pontos. Os investidores estão animados depois de Mario Draghi ter anunciado o fim do programa de estímulos.

De entre as 18 cotadas nacionais, a maioria está com perdas. Destaque para a maior queda desta sessão, que cabe à Navigator, no dia em que a papeleira desconta o dividendo de 27,894 cêntimos que será distribuído pelos acionistas. Os títulos recuam 5,15% para 5,52 euros. Ainda no setor do papel, a Altri recua 0,35% para 8,65 euros, assim como a Semapa, que perde 1,26% para 23,5 euros.

Destaque também para a desvalorização do BCP: 1,24% para 0,27 euros, um dia depois de ter ganho o prémio de melhor CFO, pelo Extel Survey. A acompanhar está a Galp Energia, que cai 0,40% para 16,12 euros, no dia em que o barril de Brent está a cotar nos 75,82 dólares. A EDP Renováveis desliza 0,18% para 8,34 euros, enquanto a EDP soma 0,18% para 3,41 euros.

A travar uma maior queda do PSI-20 estão os títulos dos CTT: 2,18% para 2,99 euros, assim como os da REN, que sobem 0,34% para 2,38 euros.

(Notícia atualizada às 8h26 com novas cotações)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Navigator e BCP empurram Lisboa para as perdas

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião