A manhã num minuto

Não sabe o que se passou durante a manhã? Fizemos um vídeo que reúne as notícias mais relevantes, em apenas um minuto.

O desemprego terá atingido 6,8% da população ativa em julho, revela o INE nas suas estimativas provisórias. No mês anterior, a taxa de desemprego foi revista em alta em uma décima para 6,8%. A Meo já pagou à Nos a dívida de 27,3 milhões de euros que ainda vem do tempo da TMN. Na mesma semana de julho, processou a Nos e exige 26,8 milhões por alegadas portabilidades irregulares.

A taxa de desemprego terá estabilizado em 6,8% em julho, depois de ter fechado junho com valor igual, a taxa mensal mais baixa desde setembro de 2002, revelou o Instituto Nacional de Estatística (INE) esta quinta-feira.

A Meo teve de pagar 27,3 milhões de euros à Nos no início de julho, na sequência de um processo em tribunal que ainda vem do tempo da TMN. A decisão tornou-se efetiva em abril, depois de a Meo ter esgotado todas as formas de apresentar recurso nos tribunais, incluindo o Tribunal Constitucional. Encerrado este processo, agora é a vez de a Meo pedir 26,7 milhões de euros à operadora liderada por Miguel Almeida.

O lucro da Mota-Engil cresceu 24,4% no primeiro semestre e fixou-se em 5,7 milhões de euros. A construtora aumentou também o volume de negócios em 5%, para 1.251 milhões de euros, segundo os resultados enviados pela empresa à CMVM, que incluem o impacto de novas regras contabilísticas. Excluindo o efeito da adoção da norma de contabilidade IAS 29, os lucros da Mota-Engil triplicaram para 15,2 milhões de euros. Seja como for, a empresa promete voltar a pagar dividendos já no próximo ano.

Marcelo Rebelo de Sousa promulgou esta quarta-feira cinco diplomas e, um deles, é o regime especial de acesso à reforma antecipada para as muito longas carreiras contributivas, que permite a reforma sem penalização a quem começou a trabalhar aos 16 anos ou em idade inferior.

Que a Administração Pública está envelhecida já não é novidade, mas a idade dos profissionais varia bastante entre os diferentes tipos de cargo e profissão. É por isso que a média das idades dos trabalhadores da Função Pública, que é de 47 anos, não chega perto de contar a história do envelhecimento neste setor.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

A manhã num minuto

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião