A manhã num minuto

Não sabe o que se passou durante a manhã? Fizemos um vídeo que reúne as notícias mais relevantes, em apenas um minuto.

Comissão Europeia prepara-se para enviar uma carta a Roma com um selo de chumbo ao orçamento, adensando a crise orçamental em Itália. Escalada dos juros italianos contagia periferia. Faltava só a Moody’s, mas já não falta. A agência tirou o país de “lixo”, mas os investidores mantêm-se cautelosos. Daí que façam muitas perguntas sobre a economia, a dívida e o rating.

Com Bruxelas e Roma às turras por causa do orçamento italiano, os juros da dívida pública da Itália voltam a estar sob pressão nos mercados internacionais, atingindo máximos de mais de quatro anos. A taxa a 10 anos italiana está prestes a superar a fasquia psicológica dos 4% e o contágio está a propagar-se aos periféricos como Portugal e Espanha.

A Moody’s tirou Portugal de “lixo”. O país passou, assim, a ter rating de qualidade junto das três principais agências de notação financeira, algo que não acontecia há mais de sete anos. Mas nem por isso os investidores deixam de ter o “pé atrás” relativamente à dívida portuguesa. E, na dúvida, fazem perguntas.

Falhado o objetivo de uma solução única alternativa contra Tomás Correia, as listas derrotadas nas últimas eleições da Associação Mutualista Montepio Geral (AMMG) vão concentrar esforços numa única candidatura e já estão fechados os nomes que vão concorrer aos vários órgãos sociais da instituição no próximo ato eleitoral agendado para dezembro. António Godinho, que já tinha sido candidato nas eleições de 2015, é o cabeça de lista para o conselho de administração. O economista Eugénio Rosa concorre para o conselho fiscal. De fora ficará Bagão Félixpor opção pessoal.

A companhia irlandesa anunciou esta sexta-feira que assinou um acordo com o sindicato de pilotos português SPAC, no qual reconhece a antiguidade destes profissionais e mudanças de base. Um acordo que abrangerá todos os pilotos da Ryanair em Portugal, avança a Reuters. As negociações com o SPAC relativamente a um contrato coletivo de trabalho, de acordo com a lei portuguesa, vão agora ter início até ao final de outubro.

O preço dos combustíveis vai voltar a descer na próxima semana, por isso se precisa de abastecer deixe passar o fim de semana. O litro do gasóleo desce dois cêntimos e o da gasolina 1,5 cêntimos, revelou ao ECO fonte do setor. Os combustíveis seguem assim a tendência de queda que já se verificou na semana passada.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

A manhã num minuto

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião