Já era hora para um co-branding Atlântico

A precisão da alta relojoaria Suíça junta-se à arte centenária da Vista Alegre, na criação de uma peça exclusiva apresentada no mercado nacional.

Chama-se Atlântico — numa alusão ao espírito de aventura e descoberta — e é uma edição limitada de um relógio que junta o mestre em complicações Franck Muller à não menos exclusiva Vista Alegre.

Num projeto que envolveu a Torres Distribuição, a marca suíça de alta relojoaria e a centenária Vista Alegre, o Franck Muller Atlântico foi apresentado no Museu da marca em Ílhavo. Limitado a apenas a 20 peças, o relógio em ouro conta com os numerais icónicos da marca em azul cinza.

A marca portuguesa, reconhecida internacionalmente pelas suas coleções em cristais e porcelanas, foi responsável pelo desenvolvimento da redoma e a taça, ambas produzidas a sopro, com os numerais e inscrições que são uma assinatura da manufatura suíça e que, neste caso, foram gravados e pintados à mão com tinta de ouro.

Um co-branding que faz sentido já que se juntam duas marcas de luxo a nível mundial reconhecidas pelas suas edições especiais e exclusivas e que, neste projeto, nos remetem para um sentimento de pertença ao vasto azul, à união entre o céu e o mar.

Comentários ({{ total }})

Já era hora para um co-branding Atlântico

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião