Ações da Apple disparam. Wall Street avança

Um rally do setor tecnológico, comandado pela Apple ditou ganhos em torno de 1% no mercado acionista norte-americano que foi puxado ainda por dados económicos positivos.

Assistiu-se a fortes ganhos em Wall Street nesta quinta-feira. Os principais índices bolsistas norte-americanos encerraram com ganhos em torno de 1%, numa sessão que foi animada pelas tecnológicas, comandadas pela Apple, mas também por dados económicos positivos.

O Dow Jones avançou 0,84%, para 25.962,51 pontos, o S&P 500 ganhou 1,09%, para 2.854,88 pontos, enquanto o Nasdaq acelerou 1,42%, para os 7.838,96 pontos.

Após os receios dos investidores face a um discurso mais pessimista da Reserva Federal (Fed) do que o antecipado na passada quarta-feira, regressou o otimismo aos mercados perante a divulgação de dados positivos sobre a economia norte-americana. Os pedidos iniciais de subsídios de desemprego caíram mais do que o esperado na maior economia do mundo, enquanto a atividade industrial recuperou fortemente.

A ajudar à festa esteve o forte desempenho bolsista da Apple. As ações da empresa liderada por Tim Cook valorizaram perto de 4%, em antecipação da estreia do seu serviço de streaming na próxima semana. Mas houve muitas outras cotadas do setor tecnológicas a registar ganhos acentuados. Foi o que aconteceu com a Micron Technlogy que disparou quase 10%, depois de reportar resultados acima do esperado.

Comentários ({{ total }})

Ações da Apple disparam. Wall Street avança

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião