Renault prepara proposta de fusão com a Nissan

  • ECO
  • 26 Abril 2019

Proposta prevê que os acionistas da Nissan e os da Renault passem a deter cerca de 50% da nova empresa, bem como que Renault e Nissan nomeiem igual número de diretores.

A Renault está a planear uma fusão com a Nissan. A fabricante automóvel francesa irá apresentar um plano para criar uma empresa conjunta, para aumentar a integração com a parceira japonesa, segundo noticiam esta sexta-feira o jornal japonês Nikkei e o norte-americano Wall Street Journal (acesso pago e conteúdo em inglês).

A proposta prevê que os acionistas da Nissan e os da Renault passem a deter cerca de 50% da nova empresa, bem como que Renault e Nissan nomeiem igual número de diretores, de acordo com as publicações, que citam fontes anónimas. A sede da empresa que resulte desta fusão irá situar-se num terceiro país.

A Renault é já a principal acionista da Nissan e o futuro do grupo estava já em foco desde que o ex-presidente da Nissan, Carlos Ghosn, foi detido em novembro por má conduta financeira.

No entanto, não é certo que o novo plano (cujos detalhes não são ainda conhecidos pela Nissan) seja aprovado já que uma estratégia semelhante de fusão tinha sido proposta no início do mês e foi rejeitada.

Comentários ({{ total }})

Renault prepara proposta de fusão com a Nissan

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião