Portugal passa a ter três escolas de formação de executivos entre as melhores do mundo

  • ECO
  • 3 Junho 2019

O ISCTE deixou de integrar a lista das 80 melhores escolas para a formação de executivos de acordo com o Financial Times. A Nova SBE mantém o 57.º lugar e é a melhor a nível nacional.

Portugal tem três escolas de formação de executivos entre as melhores do mundo eleitas anualmente pelo jornal britânico Financial Times, menos uma que em 2018. A Nova School of Business and Economics é a melhor classificada entre as escolas portuguesas, mantendo o 57.º lugar, seguida da Católica Lisbon School of Business e da Porto Business School, que mantêm o lugar entre as 80 melhores escolas no mundo, mas perdem posições no ranking global.

O ISCTE deixou de fazer parte do ranking das 80 melhores escolas para a formação de executivos no ranking do Financial Times, para o qual tinha entrado em 2018.

A Nova School of Business and Economics é a melhor classificada mantendo o 57.º lugar no ranking global pelo terceiro ano consecutivo. A Nova SBE melhorou 10 lugares no ranking global de programas customizados para empresas, passando do 62.º para o 52.º lugar na tabela e ultrapassa a Católica Lisbon School of Business também nesta categoria.

A Católica Lisbon School of Business é a segunda escola portuguesa mais bem colocada na formação para executivos em termos globais, tendo descido 13 lugares para a posição 63.º, e perdeu 10 lugares no ranking global de programas customizados para empresas.

Já a Porto Business School passou de 69.º para o 76.º lugar entre as 80 melhores escolas do mundo para a formação de executivos, conseguindo no entanto melhorar no ranking global de programas customizados para empresas, do 75.º para o 64.º lugar.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Portugal passa a ter três escolas de formação de executivos entre as melhores do mundo

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião