Bangladesh obriga 31 seguradoras a ir para a bolsa

  • ECO Seguros
  • 23 Setembro 2019

O ministro das Finanças dá três meses para se listarem às seguradoras que obtiveram licença para operar mediante o compromisso de irem para a bolsa no prazo de três anos.

O ministro das Finanças do Bangladesh, Mustafa Kamal, quer que 31 seguradoras do país dispersem o seu capital em bolsa e têm três meses para o fazer. Se não o fizerem arriscam-se a perder a licença.

As seguradoras foram autorizadas a iniciar as suas operações sob a condição de que iriam para o mercado de capitais no espaço de três anos, mas 31 delas não cumpriram essa determinação.

O ministro afirmou que se a situação não for regularizada a licença das seguradoras pode ser suspensa e ameaçou mesmo cancelá-las se não for respeitada a legislação em vigor.

De acordo com o Dhaka Tribune no mercado do Bangladesh existem 32 seguradoras vida e 46 não vida.

Comentários ({{ total }})

Bangladesh obriga 31 seguradoras a ir para a bolsa

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião