Portugal vai pagar dois mil milhões ao ano para a UE

  • ECO
  • 6 Novembro 2019

Portugal deverá contribuir anualmente com 2,01 mil milhões de euros, que correspondem a 0,98% do Rendimento Nacional Bruto. É um acréscimo face aos atuais 1,69 mil milhões de euros.

Portugal vai contribuir mais para o próximo quadro financeiro plurianual 2021-2027. O cenário proposto pela Comissão Europeia prevê um ligeiro aumento das transferências nacionais para os cofres comunitários, devendo fixar-se numa média anual de 2,01 mil milhões de euros.

Estes 2,01 mil milhões de euros correspondem a 0,98% do Rendimento Nacional Bruto, um acréscimo face aos atuais 1,69 mil milhões de euros que se deve em parte à inflação e ao crescimento do país, mas também à necessidade de compensar a perda das contribuições do Reino Unido e o financiamento de novas políticas, conta o Público (acesso condicionado).

António Costa admite contribuir ainda mais, de forma a aliviar o corte no envelope dos fundos estruturais para Portugal, que deverá cair 7%, para totalizar 373 mil milhões de euros.

No final da reunião dos Estados-membros “Amigos da Coesão”, em Praga, o primeiro-ministro considerou que a contribuição de 1,16% do rendimento nacional bruto “é uma proposta razoável”, que se situa num ponto “intermédio” entre as propostas do Parlamento Europeu e do Conselho.

Costa criticou, assim, a proposta da presidência finlandesa para o orçamento comunitário pós-2020, dizendo que não tem “pés para andar”. “A proposta finlandesa é inaceitável. A proposta finlandesa não tem pés para andar ou a proposta dos cinco países que defendem o 1% não tem a menor perspetiva para andar. Não vale a pena perder muito tempo com essa discussão”, rematou.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Portugal vai pagar dois mil milhões ao ano para a UE

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião