Crédit Agricole compra últimos 25% do GNB Seguros

  • ECO Seguros
  • 31 Dezembro 2019

O grupo segurador francês está ultimar a compra dos 25% que lhe faltam da GNB Seguros ao Novo Banco. Contratos de distribuição vão manter-se.

O Novo Banco e o Crédit Agricole Assurances estão em fase final de negociação da venda de 25% do capital da GNB Seguros ao grupo francês que já detém 75% do capital da seguradora, adiantou o Jornal de Negócios em notícia.

O Novo Banco não comenta esta informação, mas fonte ligada ao processo indicou a ECOseguros que o contrato de distribuição de seguros através da rede do Novo Banco vai manter-se. No entanto, depois de ficar a deter 100% da GNB Seguros, o Crédit Agricole “vai ficar mais livre para desenvolver uma estratégia comercial, tendo sempre o Novo banco como parceiro privilegiado”, conclui a mesma fonte.

A manutenção dos contrato de distribuição pelo Novo Banco já aconteceu com a venda da GNB Vida à APAX Partners, compra realizada através da Bankers Insurance Holdings, que agora viu confirmada pela CMVM o novo administrador Alistair Wallace Bell.

A GNB Seguros é seguradora Não Vida e obteve um volume de prémios de 78 milhões de euros em 2018. Tem como CEO, desde novembro passado, François Baudienville, quadro do Crédit Agricole em França desde 2005.

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Crédit Agricole compra últimos 25% do GNB Seguros

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião