Hospitais privados já atenderam mais de dois mil suspeitos de coronavírus. 112 estão internados

Hospitais privados já atenderam 2.270 cidadãos com suspeita de Covid-19. Estão internados 112 doentes, nove nos cuidados intensivos.

Os hospitais privados atenderam 2.270 cidadãos suspeitos de estarem infetados com o novo coronavírus, numa semana. Em resultado dos exames realizados, os privados têm 112 doentes internados, dos quais nove estão nos cuidados intensivos, diz a Associação Portuguesa Da Hospitalização Privada (APHP).

“Na primeira semana da fase de mitigação da pandemia em Portugal, os hospitais privados atenderam 2.270 cidadãos com suspeita de infeção por Covid-19 e, desses, 112 vieram a dar positivo, dos quais nove se encontram nos cuidados intensivos, informou sábado a APHP, em comunicado.

A Associação Portuguesa Da Hospitalização Privada sugere programa extraordinário de colaboração para atender os portugueses com outras patologias cujo acompanhamento ou cirurgias estão a ser adiadas.

“De modo a evitar que a Covid-19, para além dos seus gravíssimos impactos diretos, afete também outros níveis da saúde dos portugueses, seria importante delinear um programa extraordinário das prestações do SNS, para o qual os hospitais privados têm toda disponibilidade para participar”, explica Oscar Gaspar, presidente da Associação Portuguesa de Hospitalização Privada.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Hospitais privados já atenderam mais de dois mil suspeitos de coronavírus. 112 estão internados

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião