Covid-19: Detidas 153 pessoas por desobediência num total de 261 no estado de emergência

  • Lusa
  • 15 Abril 2020

As autoridades de segurança detiveram 153 pessoas por violarem as regras durante o segundo período do estado de emergência, revelou o Ministério da Administração Interna.

A GNR e a PSP detiveram até às 17h00 desta quarta-feira 153 pessoas pelo crime de desobediência e encerraram 377 estabelecimentos por incumprimento das normas durante o segundo período do estado de emergência devido à Covid-19, anunciou esta quarta-feira a tutela.

Com os números avançados esta quarta-feira pelo Ministério da Administração Interna (MAI), totalizam 261 as detenções feitas pelas forças de segurança desde que entraram em vigor as primeiras medidas do estado de emergência, a 22 de março.

Em comunicado, o MAI refere que, entre 3 de abril e as 17h00 desta quarta-feira, foram detidas 153 pessoas por crime de desobediência, 34 das quais por desobediência à obrigação de confinamento obrigatório, 72 por desobediência ao dever geral de recolhimento domiciliário, nove por desobediência de interdição de circulação fora do concelho durante o período da Páscoa, 13 por desobediência ao encerramento de estabelecimentos, nove por resistência e 16 por violação da cerca sanitária de Ovar.

O MAI indica também que no mesmo período foram encerrados 377 estabelecimentos por incumprimento das normas estabelecidas.

O Ministério tutelado por Eduardo Cabrita frisa que a estes números se juntam os verificados no primeiro período de estado de emergência, que vigorou entre os dias 22 de março e 2 de abril, em que foram feitas 108 detenções por crime de desobediência e encerrados 1.708 estabelecimentos comerciais.

Durante o estado de emergência, que foi renovado pela segunda vez a 3 de abril e termina na próxima sexta-feira, a PSP e a GNR têm vindo a desenvolver “uma intensa atividade de sensibilização, vigilância e fiscalização junto da população”.

Na nota, o Ministério da Administração Interna insiste “no cumprimento rigoroso” das medidas impostas pelo estado de emergência devido à “imperiosa necessidade de todos contribuírem para conter o contágio” da covid-19.

Em Portugal, morreram até esta quarta-feira 599 pessoas das 18.091 registadas como infetadas, segundo o último balanço oficial.

A nível global, a pandemia de covid-19 já provocou quase 127 mil mortos e infetou mais de dois milhões de pessoas em 193 países e territórios. Mais de 428 mil doentes foram considerados curados.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Covid-19: Detidas 153 pessoas por desobediência num total de 261 no estado de emergência

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião