Já foram aprovados 430 milhões de euros em linhas de crédito, diz ministro da Economia

Pedro Siza Vieira diz que as linhas de crédito que estão operacionais há duas semana com vista a apoiar as empresas afetadas pela pandemia, já têm operações aprovadas de 430 milhões de euros.

As empresas portuguesas já viram aprovadas 430 milhões de euros em linhas de crédito que vão apoiar a sua atividade no período difícil ditado pela pandemia do novo coronavírus. O valor foi avançado pelo Ministro da Economia.

“Em relação às linhas de crédito, e estão operacionais há duas semanas, já tem operações aprovadas de 430 milhões de euros“, revelou Pedro Siza Vieira, durante a Grande Conferência Web – Liderança à Prova, organizada pelo Jornal de Negócios.

Este número é conhecido poucos dias depois de ser conhecido que a linha de crédito Capitalizar Covid-19 que tinha uma dotação de 400 milhões de euros já se tinha esgotado. O acesso a essa linha podia ser pedido pelas empresas (microempresas, PME, small & mid cap) junto dos bancos.

Mas em paralelo, existem outras quatro linhas de crédito neste quadro para o apoio dedicado a setores específicos que foi, aliás, recentemente duplicada, passando a ser de 6,2 mil milhões de euros.

Sobre novos apoios à economia — além das linhas de crédito existem medidas como o lay-off simplificado ou o apoio aos pais que fiquem com filhos em cada neste período de pandemia –, Siza Vieira afasta-os, para já. “Os apoios que podemos dar à retoma têm de ser desenhados em função daquelas que forem as tendências de evolução da economia portuguesa e da economia internacional”, disse.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Já foram aprovados 430 milhões de euros em linhas de crédito, diz ministro da Economia

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião