Número de infetados com coronavírus sobe 2%. Já morreram 1.105 pessoas

  • ECO
  • 7 Maio 2020

O novo coronavírus já infetou mais de 26 mil pessoas em Portugal e provocou a morte de 1.105 pessoas. O número de recuperados está agora nos 2.258.

O número de pessoas infetadas com coronavírus no país já ascende a 26.715 e, só nas últimas 24 horas, registaram-se 533 novos casos, de acordo com os dados da Direção-Geral de Saúde (DGS). Face a esta quarta-feira já faleceram 16 pessoas, elevando para 1.105 o número total de vítimas mortais causadas pela doença. Já se contam mais de dois mil recuperados.

Dos 26.715 casos confirmados de coronavírus, 874 estão internados, dos quais 135 estão nos cuidados intensivos. A aguardar resultados laboratoriais estão ainda 2.666 pessoas e mais de 27 mil estão sob vigilância das autoridades de saúde. Nas últimas 24 horas houve 182 novos casos de recuperação, elevando para 2.258 o número total de pessoas recuperadas.

Até ao momento, o coronavírus já provocou 1.105 vítimas mortais, 16 nas últimas 24 horas. De acordo com o secretário de Estado da Saúde, a taxa de letalidade está atualmente nos 4,1%, aumentando para os 15,1% na faixa etária acima dos 70 anos.

Boletim de 7 de maio

O Norte continua a ser a região mais afetada, com 15.450 casos confirmados e 634 óbitos, à frente da região de Lisboa e Vale do Tejo, que regista 6.935 casos e 230 falecimentos. Atrás surge o Centro (3.545 casos e 213 mortes), o Algarve (343 casos e 13 falecimentos) e o Alentejo (220 casos e uma morte). Destaque ainda para os 132 casos e 14 mortes nos Açores e para os 90 casos na Madeira.

Desde 1 de março já foram realizados mais de 490.000 testes, revelou António Sales, durante a conferência de imprensa diária. Há, neste momento, 73 laboratórios a processar amostras, dos quais 32 pertencem ao Serviço Nacional de Saúde (SNS), 19 a entidades privadas e 22 da Academia e do Exército. Em stock estão disponíveis mais de um milhão de testes.

“Mortalidade está de acordo com o esperado” para esta altura

“Desde 14 de abril não notamos, para todas as causas e todas as idades, nenhuma alteração do padrão da mortalidade, de acordo com o esperado para esta altura do ano”, disse a diretora-geral da Saúde, também presente na conferência. “Estamos dentro da linha de base. A mortalidade está de acordo com o esperado para esta época do ano, somando as mortes por Covid-19 e por todas as outras causas“, acrescentou.

Graça Freitas disse ainda que as autoridades de saúde estão a “codificar as causas de morte em geral”, para perceber “exatamente que tipos de causas ocorreram este ano”.

(Notícia atualizada às 13h25 com mais informação)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Número de infetados com coronavírus sobe 2%. Já morreram 1.105 pessoas

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião