Lufthansa chega a acordo com governo alemão para resgate

  • ECO
  • 25 Maio 2020

O acordo ainda terá de ser aprovado pelo conselho de supervisão da Lufthansa e pelo órgão de fiscalização da concorrência da Comissão Europeia.

O governo alemão e a Lufthansa chegaram a acordo para um resgate para ajudar a companhia aérea a lidar com as perdas da pandemia de coronavírus. O acordo ainda terá de ser aprovado pelo conselho de supervisão da Lufthansa e pelo órgão de fiscalização da concorrência da Comissão Europeia.

A informação foi avançada por fontes do governo à agência de notícias DPA (acesso livre, conteúdo em inglês). O acordo estará “dentro dos moldes” de um plano de resgate que prevê que a companhia aérea receba um resgate total de cerca de 9 mil milhões de euros em troca de uma participação de 20% na empresa.

O acordo proposto foi apresentado por uma comissão governamental criada através de legislação estabelecida em março, que estabeleceu um fundo destinado a estabilizar a economia. A chanceler Angela Merkel disse na semana passada que o governo estava em “conversas intensas” não apenas com a Lufthansa, mas também com a Comissão Europeia.

Fatores que estarão a pesar nas negociações das últimas semanas centram-se na dimensão da participação, que não dá um voto maioritário capaz de bloquear as principais decisões tomadas pela administração da Lufthansa. Para além disso, existem também questões relacionadas com a situação dos cerca de 138.000 empregados da companhia aérea e as subsidiárias.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Lufthansa chega a acordo com governo alemão para resgate

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião