Marcelo “respeita” escolhas de Costa. Entrada de Costa Silva não é remodelação governamental

Marcelo Rebelo de Sousa foi informado pelo primeiro-ministro sobre a designação de António Costa Silva para desenhar o plano de retoma da economia portuguesa.

O Presidente da República garante que “respeita as escolhas feitas pelo primeiro-ministro” quanto a colaboradores para certas missões especificas”, depois de António Costa Silva ser escolhido para desenhar o plano de retoma da economia portuguesa. Marcelo adiantou também que Costa comunicou que esta não era uma remodelação governamental.

Marcelo não se quis pronunciar quanto à pessoa que o primeiro-ministro “entendeu designar para a tarefa de estudo e de posterior coordenação de elementos de reflexão para aquilo que vai ser o plano de recuperação económica e social do país”, apontando que, apesar de ter sido informado, “não há propriamente nomeação ou intervenção formal do Presidente”, em declarações transmitidas pelas televisões.

Ainda assim, reiterou que “respeita as escolhas feitas pelo primeiro-ministro e pelos membros do Governo quanto a colaboradores com importância e particular responsabilidade para certas missões especificas”, como é o caso de António Costa Silva, presidente da petrolífera Partex.

Questionado sobre as funções de António Costa Silva, que tem sido referido como “paraministro”, Marcelo explica que o que foi comunicado “é que não se tratava de um novo membro do Governo, é uma escolha por despacho do primeiro-ministro para exercer uma função de aconselhamento e conjugação de esforços, mas não se trata propriamente de uma remodelação governamental”.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Marcelo “respeita” escolhas de Costa. Entrada de Costa Silva não é remodelação governamental

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião