Governo reforça linhas de apoio às empresas do turismo em 640 milhões

O Governo vai reforçar duas das linhas de apoio às empresas do turismo em 300 milhões de euros, cada. Além disso, a linha de microcrédito poderá conceder 20% a fundo perdido.

O Governo vai reforçar três das linhas de apoio para as empresas do turismo, numa altura em que o cenário está menos otimista para o setor, anunciou a secretária de Estado do Turismo. Rita Marques detalhou ainda que a linha de microcrédito, que passará a ter uma dotação de 100 milhões de euros, poderá conceder 20% a fundo perdido desde que cumpridas certas condições.

As linhas Capitalizar Turismo e de Apoio à Qualificação da Oferta (“para apoiar projetos que envolvam investimento no interior do país”) serão reforçadas em 300 milhões de euros, cada, avançou Rita Marques esta quarta-feira, durante uma audição na Comissão de Economia, Inovação, Obras Públicas e Habitação. Estes reforços deverão ser anunciados nas próximas semanas.

“Estamos a trabalhar especificamente na conversão do incentivo da linha de microcrédito às micro empresas. Já concedemos 42 milhões de euros e o nosso objetivo é garantir a conversão do crédito concedido aos micro empresários a fundo perdido“, disse a secretária de Estado do Turismo.

De acordo com Rita Marques, a Linha de Apoio à Tesouraria para Microempresas do Turismo passará de uma dotação de 60 para 100 milhões de euros e poderá conceder até 20% a fundo perdido, dependendo de algumas condições, entre as quais a manutenção dos postos de trabalho.

Além disso, o Governo vai também criar uma linha de apoio às empresas de organização de eventos que, tal como o ECO avançou, terá uma dotação de 20 milhões de euros.

Este reforço de medidas é necessário, numa altura em que as perspetivas para o setor do turismo pioraram. “As projeções são ainda mais penalizadoras do que as que tínhamos assumido há cerca de um mês”, disse Rita Marques. “Há cerca de um mês apontávamos para uma quebra de atividade na ordem dos 50% e agora as perdas são substancialmente superiores”.

(Notícia atualizada às 12h17 com mais informação)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Governo reforça linhas de apoio às empresas do turismo em 640 milhões

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião