“Deal!” 90 horas de negociações em 10 tweets

  • Tiago Lopes
  • 21 Julho 2020

Champanhe, xadrez, sono e muitas mensagens de vitória. Assim foram as reações no Twitter à segunda maior maratona negocial de sempre na União Europeia.

90 horas depois de ser ter iniciado o Conselho Europeu, os líderes dos 27 Estados Membros chegaram a um consenso, aprovando um pacote total de mais de 1,8 biliões de euros como resposta à crise provocada pela pandemia da Covid-19, naquela que foi a segunda maior maratona negocial de sempre, apenas ultrapassada pela de Nice há 20 anos.

Às 5h31 locais (4h31 horas de lisboa), Charles Michel, anunciou no Twitter, numa só palavra, que foi alcançado um acordo. “Deal!”, escreveu o presidente do Conselho Europeu.

O primeiro-ministro português António Costa também recorreu ao Twitter para dizer que “foi aprovado, pela primeira vez, um instrumento específico de recuperação económica” e que este “é um sinal de confiança à Europa e a Portugal para a recuperação económica face à pandemia da Covid-19”

As intensas negociações ficaram marcadas por vários momentos que foram sendo disponibilizados no Twitter e que mostravam não só o cansaço dos vários líderes europeus, mas também a satisfação por terem finalmente chegado a um acordo. Exemplo disso foi o tweet do primeiro-ministro checo, Andrej Babiš, que teve de recorrer à imaginação para conseguir descansar um pouco quando já seguia no avião de regresso ao seu país.

Gitanas Nausėda, presidente da Lituânia, colocou uma imagem no Twitter onde compara esta maratona de negociações a um jogo de xadrez.

“Gostava de agradecer ao primeiro-ministro Órban pela excelente cooperação e construção histórica deste acordo para a Polónia, Hungria e toda a Europa”, escreveu o primeiro-ministro polaco Mateusz Morawiecki.

A Letónia reagiu ao acordo com a partilha de uma fotografia no Twitter com copos com champanhe. “Depois de dois anos de trabalho duro finalmente chegámos a um acordo”.

O chanceler austríaco Sebastian Kurz também assinalou o momento com uma fotografia partilhada na rede social.

A presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, escreveu que o acordo alcançado na madrugada desta terça-feira “é uma oportunidade única para modernizar a Europa”, destacando que foi dado “um passo histórico” de que todos se “podem orgulhar”.

O presidente francês, Emmanuel Macron, escreveu que este é “um dia histórico para a Europa”.

“Após longas e intensas negociações, chegámos a um acordo sobre o orçamento a longo prazo da UE e o fundo de recuperação da UE. O resultado é um bom pacote que salvaguarda os interesses holandeses e que tornará a Europa mais forte e mais resiliente”, escreveu Mark Rutte, primeiro-ministro holandês que encabeçou a lista dos apelidados países “frugais”.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

“Deal!” 90 horas de negociações em 10 tweets

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião