55 faturas suspeitas denunciam Isabel dos Santos

  • ECO
  • 3 Agosto 2020

Os documentos levantam suspeitas de serem falsas prestações de serviços de consultoria da Matter Solutions Business. Cerca de 19 faturas terão sido emitidas no dia da exoneração da empresária.

Um acórdão do Tribunal Supremo de Angola revela que Isabel dos Santos, já depois de ter sido exonerada da presidência da Sonangol, terá enviado ao EuroBic 55 faturas suspeitas de serem falsas prestações de serviços de consultoria da Matter Solutions Business, avança o Correio da Manhã (acesso pago).

De acordo com o documento, Isabel dos Santos e Sarju Raikundalia terão desviado 131.148.782 dólares (110,7 milhões de euros), em várias operações, que tiveram como destino a empresa sediada no Dubai. Dos 55 documentos em causa, “19 faturas foram emitidas no dia da exoneração” da empresária do conselho de administração.

O acórdão revela que “a Direção de Tecnologia de Informação da Sonangol detetou que as mesmas [19 faturas] foram criadas no sistema da Sonangol entre as 16h43 e as 17h07 do mesmo dia 15 de novembro de 2017”, ou seja, depois da exoneração que ocorreu às 13h00 de dia 15. Neste âmbito, “foram cobrados serviços à Sonangol que não se mostraram prestados, tendo, no entanto, esta procedido ao pagamento dos mesmos”, refere o documento.

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

55 faturas suspeitas denunciam Isabel dos Santos

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião