Justiça

EuroBic e Efacec estão no olho do furacão Luanda Leaks. Isabel dos Santos pôs as duas empresas empresas à venda, depois das revelações da imprensa. Nos e Galp são pontos de interrogação.

O Procurador-Geral de Angola solicita a Isabel dos Santos que se desloque a Luanda, para prestar os devidos esclarecimentos e garante que a empresária não será detida à chegada a Luanda.