Hoje nas notícias: construção, vales cirurgia e touradas

  • ECO
  • 4 Novembro 2020

Dos jornais aos sites, passando pelas rádios e televisões, leia as notícias que vão marcar o dia.

A Confederação Portuguesa da Construção e do Imobiliário defende que os projetos de obras que serão lançados a concurso no PNI 2030 tenham em conta a capacidade do tecido empresarial português. Esta quarta-feira entram em vigor medidas mais apertadas para 121 concelhos em Portugal e se a maioria dos casamentos nestas zonas só podem ter até cinco pessoas, na parte religiosa podem ter mais. Ainda no plano pandémico, os vales de cirurgia estão a atirar os doentes para longe. Veja estas e outras notícias nas manchetes nacionais.

Construtoras nacionais querem obras ajustadas à sua dimensão

O Plano Nacional de Investimentos (PNI) 2030 vai lançar projetos de quase 43 mil milhões de euros que serão realizados durante a próxima década. São obras de grande monta, algumas delas sobredimensionadas para as empresas de construção nacionais, muitas delas PME. É por isso que, em entrevista, Manuel Reis Campos, presidente da Confederação Portuguesa da Construção e do Imobiliário (CPCI), defende que os projetos lançados a concurso tenham em conta a capacidade e habilitação do tecido empresarial nacional. Leia a notícia completa no Jornal de Negócios (acesso pago).

Casamentos podem ter mais de 5 pessoas na parte religiosa

Os casamentos realizados a partir desta quarta-feira nos 121 concelhos só podem ter até cinco pessoas, assim como outros eventos, mas há uma exceção: na parte religiosa, na Igreja, pode haver mais do que cinco pessoas presentes, mas só nessa parte do casamento, de acordo com o esclarecimento feito pelo gabinete do ministra de Estado e da Presidência ao Público. Acresce que pode haver mais de cinco pessoas caso sejam todas do mesmo agregado familiar. Nos restantes concelhos mantém-se o limite anterior de 50 pessoas. Leia a notícia completa no Público (acesso pago).

Vales cirurgia atiram doentes para longe

Os vales de cirurgia emitidos pelo Serviço Nacional de Saúde para os utentes em lista de espera estão a deslocar os utentes para centenas de quilómetros fora da sua área residência. A pandemia do novo coronavírus veio contrariar a tendência de recuperação das listas de espera de cirurgia registada em 2019 e que se mantinha até fevereiro. Leia a notícia completa no Jornal de Notícias (link indisponível).

Tourada em canal aberto vai ser proibida a partir de 2022

O PAN revelou que o Governo acolheu a sua proposta de proibir a presença e participação de menores em espetáculos tauromáquicos e indicou que a legislação será alterada no primeiro trimestre do próximo ano. Ainda assim, não está fechado a partir de que idade é que os jovens poderão assistir a uma tourada. “Estamos a trabalhar com o governo na fixação da idade, entre os 16 e os 18 anos”, disse a líder parlamentar do PAN, Inês Sousa Real. Segundo o JN, a transmissão de touradas em canal aberto será proibida a partir de 2022. Leia a notícia completa no Jornal de Notícias (acesso livre).

Polícias sem máscara fiscalizam cidadãos sem máscara

A Organização Sindical dos Polícias denúncia que há agentes da PSP sem máscara a realizarem ações de fiscalização aos cidadãos para o cumprimento da utilização deste equipamento de proteção individual. “Há muitos colegas que não têm máscara. Alguns deles vão para a estrada só com viseira”, afirma Jorge Rufino, vice-presidente daquela entidade. Recorde-se que recentemente foi aprovado o uso obrigatório de máscara nos espaços públicos, quando não é possível o distanciamento social recomendado. Leia a notícia completa no Jornal I (link indisponível).

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Hoje nas notícias: construção, vales cirurgia e touradas

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião