Real Vida oferece mensalidade a novos segurados saúde

  • ECO Seguros
  • 5 Novembro 2020

A aposta no crescimento do segmento saúde faz arrancar uma campanha para captar novos segurados. Os atuais clientes também são compensados.

A Real Vida lançou uma campanha em que está a oferecer a 2ª mensalidade a todos os novos clientes do produto Real Seguro de Saúde. Os atuais Clientes serão compensados e podendo usufruir de descontos até 10%.

Os descontos oferecidos destinam-se a clientes e respetivo agregado familiar. A seguradora dispõe, no seu site, de um simulador que permite ao utilizador saber quanto é que vai pagar pelo seu novo Seguro de Saúde e recomenda qual a melhor solução de proteção de acordo com o valor que o utilizador está disposto a pagar.

O simulador associa automaticamente os descontos por inclusão do agregado, bastando para tal inserir os dados relativos à idade e familiares que se pretende incluir. Os resultados, disponibilizados imediatamente, apresentam as 3 opções base, permitindo ao utilizador selecionar ainda as coberturas complementares que considere mais importantes para, segundo a companhia, “construir um seguro à sua medida”.

A Real Vida Seguros refere que é “uma seguradora 100% Portuguesa, independente de qualquer banco e com 30 anos de experiência no mercado”. Com mais de 100 milhões de euros de prémios emitidos em 2019 é a 19ª maior seguradora em Portugal.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Real Vida oferece mensalidade a novos segurados saúde

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião