Alemanha dá três mil milhões para apoiar indústria automóvel

  • Lusa
  • 18 Novembro 2020

“A Alemanha é um país de automóveis e continuará a sê-lo”, diz ministro da Economia alemão, Peter Altmaier.

O Governo alemão vai apoiar a indústria automóvel com três mil milhões de euros, para ajudar este setor a ultrapassar a situação económica debilitada decorrente da pandemia e contribuir para a transformação ecológica e a digitalização.

A informação foi avançada por vários órgãos de comunicação social da Alemanha, que dão conta de que este apoio é o resultado de uma reunião que decorreu durante a tarde de hoje entre elementos do executivo, da indústria automóvel e sindicatos da Chancelaria de Berlim.

“A Alemanha é um país de automóveis e continuará a sê-lo”, escreveu na rede social Twitter o ministro da Economia, Peter Altmaier, pouco depois do final da reunião.

Este setor é o maior empregador e o maior exportador da maior economia europeia.

O acordo inclui mil milhões de euros para aumentar os incentivos para a aquisição de carro elétricos ou híbridos (até 9.000 euros), alargando este complemento até 2025.

Outros mil milhões de euros terão como destino um programa de renovação de camiões antigos dos setores público e privado, para os tornar mais ecológicos.

Os restantes mil milhões de euros serão alocados ao Fundo de Futuro da Indústria Automóvel, destinado a apoiar o setor.

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Alemanha dá três mil milhões para apoiar indústria automóvel

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião