Ventura e Marisa mais perto de Ana Gomes

  • ECO
  • 23 Novembro 2020

As intenções de voto colocam Marcelo na dianteira da corrida para Belém com 56,6%, Em segundo lugar, na sondagem da Intercampus para o Correio da Manhã e Jornal de Negócios, surge Ana Gomes com 16,1%.

Marcelo Rebelo de Sousa não tem rival que ponha em perigo a sua reeleição, mas a sua popularidade está a baixar, pondo assim em causa um desempenho nas urnas em janeiro semelhante ao de Mário Soares, que em 1991 foi reeleito por 70,35%, o valor mais elevado de sempre em democracia, revela a sondagem da Intercampus para o Correio da Manhã (acesso pago) e Jornal de Negócio (acesso pago). Por outro lado, as intenções de voto também revelam uma aproximação de André Ventura e Marisa Matias a Ana Gomes que também desceu.

As intenções de voto colocam Marcelo na dianteira da corrida para Belém com 56,6%, um resultado mais próximo do conseguido por Cavaco Silva, que em 2011 foi reeleito com 52,95% dos votos. Em segundo lugar surge Ana Gomes com 16,1%, uma quebra face aos 17,2% conseguidos em outubro, e em terceiro aparece André Ventura com 10,5%, uma subida de 2,3 pontos percentuais face à anterior sondagem.

Em subida está também a candidata do Bloco de Esquerda. Marisa Matias, que regista a maior subida (2,6 pontos percentuais) arrecadando agora 8,7% das intenções de voto. A sondagem revela ainda uma descida de João Ferreira do PCP que tem agora 2,3%.

Veja a ficha técnica da sondagem aqui.

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Ventura e Marisa mais perto de Ana Gomes

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião