Serviço de pagamentos Nickel do grupo BNP Paribas prepara entrada em Portugal

  • Lusa
  • 7 Janeiro 2021

O serviço de pagamentos Nickel, que pertence ao grupo do BNP Paribas, deverá entrar em Portugal no primeiro trimestre de 2022, anunciou o presidente executivo da empresa.

O serviço de pagamentos Nickel, que pertence ao grupo do BNP Paribas, vai preparar durante este ano a entrada no mercado português, que deverá ocorrer no primeiro trimestre de 2022, disse o presidente executivo Thomas Courtois à Lusa.

“O lançamento comercial será no primeiro trimestre de 2022”, disse, em entrevista telefónica à Lusa o presidente executivo da francesa Nickel, Thomas Courtois, especificando no que consistirá o processo de pré-lançamento durante este ano.

O primeiro passo é “obter a licença de operação, o que já começámos e iniciámos o processo para isso, para transportar a nossa licença para Portugal”, disse o responsável.

A Nickel está também já à procura de um parceiro de retalho, uma vez que trabalha com pontos de venda físicos, estando já em “contacto próximo” com alguns operadores portugueses, tendo Thomas Courtois não adiantado nomes quando questionado pela Lusa.

“Estamos à procura de redes muito grandes, com muito tráfego nas lojas, geridas por pessoas independentes que estão dispostas a diversificar e providenciar novos serviços”, disse à Lusa o diretor da empresa francesa.

Thomas Courtois disse que em França a empresa trabalha com tabacarias, tal como em Espanha, país em que também trabalha com “os distribuidores da lotaria nacional”. “Também seremos uma equipa local, porque em Portugal seremos uma empresa portuguesa, e distribuiremos uma conta bancária portuguesa“, disse o responsável da Nickel.

“Por último, precisaremos de adaptar a nossa plataforma tecnológica às especificidades locais, começando pela língua, mas também especificidades que poderão ter em termos de sistemas de pagamentos”, disse Thomas Courtois.

De acordo com um comunicado de imprensa da Nickel, o objetivo da empresa é atingir 450 mil clientes em Portugal em cinco anos. A Nickel tem 1,9 milhões de clientes, estando já em operação em Espanha e a entrada no mercado belga está marcado para a mesma altura que em Portugal.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Serviço de pagamentos Nickel do grupo BNP Paribas prepara entrada em Portugal

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião