Covid-19 e saúde mental: Precisa de uma folga? Saiba o que a Aviva faz pelos funcionários

  • ECO Seguros
  • 9 Fevereiro 2021

A seguradora decidiu compensar os funcionários com folga extra. A iniciativa da companhia britânica é parte de um programa de bem-estar mais abrangente, que se prolonga pelo inverno.

 

A Aviva Plc, seguradora que detém liderança de mercado no Reino Unido e é a marca mais reconhecida na Irlanda, sendo também a 3ª maior no Canadá, decidiu conceder aos seus 16 mil funcionários um dia de folga pelo “bem-estar mental”. Trata-se de uma iniciativa de apoio a todos os colaboradores que a empresa tem no Reino Unido, num contexto em que “o combate à pandemia de Covid-19 continua”, justifica a seguradora num comunicado.

Os empregados podem fazer uso da folga extra como desejarem, quer seja para “se dedicarem a algum passatempo ou simplesmente descansarem” e recarregar baterias. O dia de folga é adicional à licença de férias a que os empregados têm direito legal de gozar em qualquer altura do ano.

Danny Harmer, diretor do departamento de pessoal da Aviva, afirma: “Queremos tornar este inverno um pouco mais luminoso e agradecer-vos“. Salientando que os colaboradores têm trabalhado de maneira surpreendente para apoiar os clientes num período difícil para todos, “esta é uma oportunidade para os colegas tirarem um dia para si próprios”.

Harmer referiu também que “o descanso é uma parte importante do bem-estar e é vital que as organizações criem espaço para as pessoas recarregarem as suas baterias sempre que possível”.

O Wellbeing Day abonado pela Aviva é uma de várias medidas que a companhia implementou para apoiar os colaboradores no inverno 2020/2021. Entre outras, o comunicado da seguradora lista o que já assegurou aos seus empregados :

– Em dezembro passado, pagou um vale de 100 libras esterlinas (cerca de 113,5 euros) a título de gratificação a cada trabalhador pelo “trabalho duro” desenvolvido durante a pandemia de Covid-19.

– Acesso a uma gama de ferramentas para ajudar no trabalho a partir de casa, “incluindo apoio mental e de bem-estar, e um programa de Assistência aos Empregados 24h/7 dias por semana”.

– Acesso à aplicação DigiCare+, disponibilizada gratuitamente aos empregados. Esta é uma aplicação para smartphone “que pode ajudar a detetar, gerir e prevenir problemas de saúde física e mental”.

– Acesso gratuito a aplicações de bem-estar como Headspace e Thrive, duas “aplicações de meditação que ajudam a construir a resiliência geral, mas são também úteis para áreas específicas, por exemplo, para ajudar a dormir”.

– #backtobest, uma campanha de bem-estar onde “os empregados podem ganhar pontos por fazerem coisas que são boas para eles, como serem ativos ou meditar”.

Trabalho flexível disponível para todos os colaboradores. “Desde o primeiro confinamento, o pessoal recebe os salários na totalidade, independentemente das horas que possam trabalhar”.

– “35 horas de férias pagas por ano” a cada funcionário da companhia no Reino Unido “para os ajudar a gerir as responsabilidades” com dependentes que fazem parte do agregado.

Ao abrigo desta última medida, a companhia refere que, em 2020, perto de 540 empregados da Aviva no Reino Unido utilizaram em média 11,5 horas cada um.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Covid-19 e saúde mental: Precisa de uma folga? Saiba o que a Aviva faz pelos funcionários

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião