Nas notícias lá fora: Covid-19, Facebook e Nowo

  • ECO
  • 18 Fevereiro 2021

Os novos casos de Covid-19 abrandaram para o ritmo de outubro e investigadores querem adiar a toma da segunda dose na vacina. Na Austrália, o Facebook retirou as notícias da sua plataforma.

A pandemia de Covid-19 continua a marcar a realidade internacional, desta vez por uma boa notícia: o abrandamento dos novos casos a nível mundial. Além disso, investigadores americanos pensam ser melhor adiar a segunda dose da vacina contra a Covid-19 devido à alta eficácia apresentada depois da primeira toma. Esta quinta-feira destaque para o Facebook na Austrália, que proibiu as notícias na sua plataforma. Destaque também para o ex-negociador do Brexit que está agora encarregado das relações com a UE pós-Brexit e para a dona da Nowo que vai dar crédito pessoal aliada à Cetelem em Espanha.

Bloomberg

Novos casos no mundo abrandam para o ritmo de outubro

Os novos casos de Covid-19 registados na semana que terminou a 14 de fevereiro foram os mais baixos desde outubro, com 2,7 milhões de pessoas a contraírem o novo coronavírus, de acordo com dados da universidade americana Johns Hopkins. Foi um aumento de 2,5% face à semana anterior, a menor percentagem desde o início da pandemia e menos de metade da verificada um mês antes. A razão ainda não é atribuída à vacina, mas sim ao distanciamento social e confinamento, bem como ao menor número de testes realizados devido ao mau tempo nos EUA.

Leia a notícia completa na Bloomberg (acesso livre, conteúdo em inglês).

Financial Times

Negociador britânico do Brexit encarregado das relações entre Reino Unido e UE

O ex-negociador do Reino Unido para o Brexit com a União Europeia (UE), David Frost, foi nomeado secretário de Estado do governo de Boris Johnson. Frost está responsável pelas relações europeias. A partir de 1 de março, vai presidir a Comissão Conjunta estabelecida por Londres e Bruxelas para acompanhar o cumprimento do acordo de Saída do bloco europeu.

Leia a notícia completa no Financial Times (acesso condicionado, conteúdo em inglês).

Reuters

Investigadores pedem que se adie toma da segunda dose da vacina

Danuta Skowronski e Gaston De Serres pedem aos governos que adiem a segunda dose da vacina contra a Covid-19 da Pfizer, tendo em conta elevada eficácia apresentada pela primeira dose. Os investigadores salientam que a vacina da Pfizer oferece uma proteção contra o novo coronavírus de 92,6% após a primeira toma, sendo esta de 92,1% no caso da vacina da Moderna, pelo que tomar a segunda dose num espaço tão curto tem “pouco benefício adicional”. Além disso, permitiria administrar mais vacinas a mais pessoas, mais rapidamente.

Leia a notícia completa na Reuters (acesso livre, conteúdo em inglês).

TechCrunch

Facebook exclui todas as notícias da rede social na Austrália

Os utilizadores do Facebook na Austrália estão a ser impedidos de ver e partilhar links de notícias na plataforma. A medida surge como resposta do Facebook à legislação proposta pelo governo australiano que pretende forçar as plataformas de Internet, especialmente as gigantes da publicidade como o Facebook e a Google, a pagarem aos editores de notícias para terem acesso à partilha dos seus conteúdos.

Leia a notícia completa no TechCrunch (acesso livre, conteúdo em inglês).

Cinco Días

Dona da Nowo vai dar crédito pessoal com Cetelem em Espanha

A MásMóvil acaba de lançar uma incursão no setor bancário, passando agora a conceder crédito no mercado espanhol, aliada à Cetelem. Através da marca MoneyGo e Yoigo, o grupo passou a oferecer créditos pessoais entre 3.000 e 60.000 euros com prazos dos três meses aos oito anos e TAE de 5,06%, sem comissões de abertura. O processo de concessão é totalmente digital.

Leia a notícia completa no Cinco Días (acesso livre, conteúdo em espanhol).

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Nas notícias lá fora: Covid-19, Facebook e Nowo

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião