Pandemia termina até final do ano? É “prematuro” e “irrealista”, diz a OMS

A situação ainda não está sob controlo, numa altura em que o número de infeções globais de Covid-19 volta a aumentar. Ainda assim, a vacinação poderá ajudar a controlar, diz a OMS.

Apesar da propagação da Covid-19 estar a desacelerar em alguns países devido a confinamentos e programas de vacinação, é “prematuro” e “irrealista” pensar que a pandemia vai acabar até ao final deste ano, avisou o diretor executivo dos serviços de emergência da Organização Mundial de Saúde (OMS).

A vacinação das pessoas mais vulneráveis, incluindo profissionais de saúde, contribui para retirar a “tragédia e o medo” da situação e para aliviar a pressão sobre os hospitais, mas o vírus está a “controlar” a situação, reiterou Michael Ryan, numa altura em que o número de novas infeções globais aumentou na semana passada pela primeira vez em quase dois meses, de acordo com o The Guardian (acesso livre, conteúdo em inglês).

Ainda assim, o responsável da OMS sublinha que se as vacinas começarem a ter impacto não apenas no número de mortes e de hospitalizações mas também um efeito “significativo na dinâmica de transmissão e no risco de transmissão”, será possível acelerar o controlo desta pandemia.

Quanto ao aumento do número de casos de Covid-19 em várias regiões do globo, o diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus, aponta que “é dececionante, mas não surpreendente”. “Estamos a trabalhar para entender melhor esses aumentos na transmissão”, sublinhou, sendo que em parte parece ser explicado com “o relaxamento das medidas de saúde pública, à circulação contínua de variantes e as pessoas a baixar a guarda”.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Pandemia termina até final do ano? É “prematuro” e “irrealista”, diz a OMS

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião