Vendas de carros disparam em abril. Peugeot lidera, Renault volta ao pódio

Em abril de 2020, os concessionários estiveram encerrados. Este ano, abril foi mês de desconfinamento, pelo que as vendas dispararam quase 400%.

As vendas de automóveis no mercado nacional aceleraram em abril, mês marcado pelo desconfinamento do país. Registou-se, segundo dados da ACAP, um aumento de 376% no registo de novas matrículas, sendo que esta variação tem de ser vista à luz do facto de em abril de 2020 os stands terem estado encerrados em resultado da pandemia. Vendas de ligeiros sobem, com a Peugeot a liderar e a Renault de volta ao pódio.

“Tal como esperado, verificou-se em abril de 2021 um forte crescimento do mercado automóvel, o qual se cifrou em 376,3% por comparação com o mesmo mês do ano anterior”, refere a associação que representa as fabricante de veículos no mercado nacional.

É importante relembrar que, em abril de 2020, os concessionários estiveram encerrados e que foi o pior mês, para o mercado automóvel, dos últimos 20 anos, como consequência da crise do Covid-19, alerta a ACAP. “Em comparação com o mesmo mês do ano de 2019 o mercado registou uma queda de 26,6%, em vez do forte crescimento assinalado”, diz.

Este crescimento de 376,3% inclui o aumento de 438,7% das vendas de ligeiros de passageiros, enquanto os ligeiros de mercados registaram um aumento de 200%. No caso dos pesados, a ACAP aponta para um aumento de 302,8% nas vendas, em termos homólogos.

Quebra de 4,5% nos ligeiros de passageiros, este ano

No total do mercado automóvel, “observou-se um ligeiro aumento de 1,2% no período de janeiro a abril de 2021 relativamente ao mesmo período do ano anterior”, diz a ACAP, salientando que a “comparação com o período homólogo de 2019 indica-nos uma queda de 39,1%”.

Olhando apenas para os ligeiros de passageiros, em mês de abril de 2021 foram matriculados em Portugal 14.809 automóveis novos, sendo que no acumulado do ano “as matrículas de veículos ligeiros de passageiros totalizaram 45.848 unidades, o que se traduziu numa variação negativa de 4,5% relativamente a período homólogo de 2020″.

Renault volta ao pódio das vendas

Entre os ligeiros de passageiros, a preferência dos portugueses tem ido para os modelos da Peugeot, marca da Stellantis, que é liderada pelo português Carlos Tavares. A “marca do leão” voltou a liderar as vendas em abril, ao crescer 404%, mantendo a liderança no acumulado dos quatro primeiros meses de 2021, com um crescimento de mais de 20% face a 2020.

A Mercedes-Benz segue logo atrás, depois ver as vendas aumentarem 268% em abril, mas a Renault aproximou-se. A marca que é líder em Portugal há mais de duas décadas voltou ao pódio das vendas, isto depois de ver as vendas acelerarem 652% no último mês. No acumulado do ano já registou 4.075 veículos, ainda assim uma quebra de 27% face a 2020.

Se o crescimento das vendas da Renault em abril impressiona, o que dizer dos 1.581,9% de aumento das vendas apresentado pela Citroën? Foi a marca que mais cresceu, seguida da Mitsubishi, chegando ao quinto lugar no ranking das vendas, aproximando-se da BMW que segue em quarto lugar, segundo a ACAP.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Vendas de carros disparam em abril. Peugeot lidera, Renault volta ao pódio

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião