Exclusivo Governo deixa cair Miguel Frasquilho na TAP. Manuel Beja vai ser o novo chairman

Manuel Beja é a escolha do Governo para chairman da TAP. Gestor tem experiência na área de tecnologia de informação e conhecimento do mercado brasileiro. AG é no dia 24 de junho.

Está escolhido o conselho de administração da TAP e há uma surpresa: O Governo não renovou o mandato de Miguel Frasquilho na TAP, o gestor que conduziu todo o processo de reestruturação da companhia apresentado à Comissão Europeia, e prestes a ser aprovado. O novo chairman vai ser Manuel Beja, um matemático licenciado pelo ISEG com experiência de gestão, sobretudo na área das tecnologias de informação.

Oficialmente, o Governo não confirma a mudança, e Miguel Frasquilho também se escusou a fazer comentários, mas o ECO confirmou junto de duas fontes que o gestor que esteve mais de nove anos na Novabase vai ser o novo chairman. Manuel Beja vem do setor das tecnologias de informação, foi diretor de recursos humanos da tecnológica e conhece o mercado brasileiro, o principal mercado de exportação da TAP. O gestor foi ‘managing diretor’ da Novabase Brasil entre março de 2002 e março de 2005.

A substituição de Miguel Frasquilho é uma surpresa e o próprio só foi informado da decisão esta terça-feira. O primeiro-ministro, que tem a última palavra, terá decidido impor uma mudança da totalidade do conselho de administração e isso acabou por ditar o afastamento de Frasquilho.

O ainda chairman da TAP foi o responsável pela condução do plano de reestruturação logo depois da saída do gestor Antonoaldo Neves e depois, com Ramiro Sequeira, foi ativo nas discussões com os sindicatos da TAP que permitiram os chamados acordos de emergência e permitiram evitar os despedimentos coletivos.

No próximo dia 24 de junho, os acionistas da TAP (Estado, Humberto Pedrosa e trabalhadores) vão reunir em assembleia geral para a eleição dos novos órgão sociais, cujos nomes deverão ser conhecidos nas próximas horas.

Como o ECO revelou em primeira mão, a escolha para gestor executivo recaiu na francesa Christine Ourmières-Widener, com experiência de liderança no setor da aviação. Especialista no setor de transportes e infraestruturas, Christine Ourmières-Widener foi CEO do Flybe Group, uma das mais importantes companhias aéreas regionais da Europa com operação no Reino Unido (entretanto alvo de uma operação de venda), tinha sido antes presidente executiva de uma sociedade de leasing especializada no setor da aviação, e o seu percurso inclui também funções na Air France/KLM. No Linkedin, é identificada como especialista em processos de transformação e reestruturação, exatamente a fase em que a TAP está.

Para já, a TAP continua à espera da resposta da Comissão Europeia à proposta de plano de reestruturação, mas o Governo tem a expectativa de que será aprovado até 24 de junho.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Governo deixa cair Miguel Frasquilho na TAP. Manuel Beja vai ser o novo chairman

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião